Foto: Bruno Capella

UX Weekend com Edu Agni

Olá, quero compartilhar aqui sobre a minha experiência no workshop UX Weekend promovido pelo iMasters nos dias 28 e 29/03/2015 em São Paulo onde tivemos como facilitador o consultor especialista em User Experience Edu Agni.

Participar do workshop e poder interagir com demais profissionais da área de design e tecnologia foi algo muito interessante para minha carreira. Além de ser uma oportunidade de testar minhas habilidades adquiridas nesses últimos 5 anos em que tenho me dedicado à criação de web sites, e mais especificamente aos últimos 2 anos como web designer em eCommerce – onde a experiência do usuário no ambiente digital tem sido assunto de bastante discussão.

Edu falou sobre o importância de fazer o design centrado no usuário; focando nas suas necessidades, desejos e limitações durante todo o projeto.

UX Weekend com Edu Agni / Foto: Bruno Capella

UX Weekend com Edu Agni / Foto: Bruno Capella

Em equipes realizamos exercícios criação de Personas, Jornada do Consumidor e Testes de Usabilidade. E isso me trouxe uma luz de recursos que podem me auxiliar na concepção de projetos.

Realizar esses exercícios durante o workshop foi interessante para perceber que podemos aplicá-los no dia-a-dia, de forma simples e objetiva. Onde nossos próprios colegas de trabalho, por exemplo, possam nos ajudar realizando um teste de usabilidade ou descrevendo a sua relação com um determinado produto.

UX Weekend / Foto: Welton Matos

UX Weekend / Foto: Welton Matos

Mais detalhes sobre o UX Weekend você pode obter aqui. Abraço! Até o próximo post.

Um forte abraço, até a próxima…

Anúncios

O primeiro Photoshop

Olá pessoal,

Este é mais um post em comemoração aos 25 anos do Photoshop, programa produzido pela Adobe.

Desta vez oito designers profissionais foram convidados pelo CreativeLive para realizarem algumas atividades relativamente simples com o Photoshop, mas com a versão 1.0 lançada em fevereiro 1990. Imaginem o quanto ficaram diferentes os comandos, barras, interfaces e mecanismos presentes no aplicativo ao longo destas mais de duas décadas?

Confira a experiência:

 

Abaixo você confere a evolução das barras de ferramentas, caixas, icones e telas de abertura  nestes 25 anos de Photoshop:

Evolução das Barras de Ferramentas

Evolução das Barras de Ferramentas

photoshop-25-anos-evolucao-caixa-welton-matos_designer

Evolução das Caixas

Evolução dos Ícones

Evolução dos Ícones

Evolução das Telas de Abertura

Evolução das Telas de Abertura

 

No vídeo tutorial abaixo você acompanha como era a primeira versão demo do Photoshop. É um vídeo da própria Adobe, apresentado por John Knoll, um dos criadores do programa:

 

Parece fácil nas mãos de quem criou… mas com certeza eu teria algumas dificuldades…

 

Até a próxima!!!!

90 anos de The New Yorker

A revista americana The New Yorker decidiu comemorar os 90 anos da marca convidando nove artistas produzir nove capas diferentes, uma para década.

Para  vejam o resultado:

A missão foi reproduzir, cada qual com as suas peculiaridades, a primeira capa da revista, cuja arte mostrava um cavalheiro usando uma cartola. Serão três edições de aniversário e cada uma delas contará com três capas, todas elas patrocinadas pela Rolex.

O conteúdo também traz matérias especiais, entre elas, um perfil de Johnny Ive, o chefe de design e vice-presidente sênior da Apple. Até mesmo os anúncios da edição foram cuidadosamente trabalhados com os anunciantes e pensados especialmente para a ocasião comemorativa.

Fonte: adnews

Photoshop no Chrome

Photoshop no Chrome

A Adobe já iniciou os primeiros testes do prometido Photoshop Streaming . O aplicativo funciona da mesma maneira que o editor de imagens comuns, com a diferença de que o software não é instalado diretamente no computador dos usuários, mas roda nas nuvens a partir de um servidor externo. Quando o sistema estiver completo, será possível utilizá-lo a partir do Chrome OS e também do navegador Chrome.

Um dos executivos de engenharia da Google disse à imprensa internacional que o serviço será testado por diversos usuários selecionados pelo período de seis meses. Ele já está 90% pronto, mas ainda precisa de alguns ajustes para que uma série de limitações atuais seja retirada — o que inclui a obrigatoriedade da utilização de arquivos que estejam armazenados nos servidores do Google Drive.

Também é preciso dizer que apesar de a interface de utilização do Photoshop estar presente de maneira integral, não é possível trabalhar com nada que envolva projetos tridimensionais no momento. Isso acontece porque os servidores da Adobe ainda não utilizam processadores gráficos que permitam tal ação. Por fim, o processo de impressão também não é pode ser feito diretamente pela web.

Como funciona o Photoshop Streaming?

O Photoshop Streaming funciona de forma simples. Quem tem acesso só precisa baixar um aplicativo na Chrome Web Store e executá-lo. Em seguida, a pessoa é conectada a um servidor que roda a versão tradicional do Photoshop 2014 e todo o processo é feito por streaming. A interface é exibida como se fosse um vídeo para o usuário, com a diferença que o javascript recebe seus comandos e o envia de volta para o servidor, onde eles são processados e transformados em ações.

#Inspiração: Fontes & Tipografia

Hoje em dia a tecnologia é nossa aliada quando o assunto é inspiração. Algumas ferramentas nos ajudam no processo criativo e aqui vou te passar alguns links para te ajudar na escolha da fonte ideal para o seu projeto.

Fontes e Tipografia: Um guia de links para te ajuda nessa prazerosa missão.

FontFabric

Possui uma biblioteca de fontes gratuitas e estilosas.

FontSquirrel

Biblioteca com diversas fontes.

Typographica

Além de ter um amplo acervo de fontes o site traz referências de design tipográfico.

Inspiração Tipográfica Abduzeedo

Por falar em referência não posso deixar de sitar o meu favorito. Nesta seção especial do Abduzeedo encontramos trabalhos tipográficos maravilhosos e inspiradores.

Inspiração Tipográfica Abduzeedo

Inspiração Tipográfica Abduzeedo

Typography Served

Eu tenho um amigo que sempre fala que inspiração e referência é 70% do processo criativo, então toma mais uma fonte bacana para seus favoritos.

Para se aprofundar no seu estudo de fontes e tipografia sugiro conferir o completíssimo post do Design Blog.

As imagens que ilustram esta postagem faz parte do divertido projeto do ilustrador canadense Sean Williams e você pode conferir mais acessando: http://seaningsdesign.com/.

Seanings

Seanings

Obrigado e até a próxima pessoal…

Curta a página Welton Matos no Facebook

Curta a página Welton Matos no Facebook

Design nas Eleições 2014

Olá pessoal!

Durante a apuração das eleições para presidente deste ano eu tirei alguns print de como os principais portais do Brasil – como UOL, G1, Veja entre outros, estavam apresentando os resultados e somente agora consegui reunir esse material que servirá pra mim como referência e quem sabe possa ajudar mais profissionais.

Quando pensei nesse post eu lembrei do acompanhamento diário que o meu colega, Analista de Mídia Online,  Luiz Gustavo Vargas Dias,  compartilha com toda equipe na Marisa.com.br em que ele analisa os principais e-commerces .

Ter boas referências é super importante para conseguir entregar um job com toda qualidade e rapidez que nossos clientes precisam. Acompanhar o trabalho de outros profissionais é o que nos dá segurança para investir numa comunicação ou não e com um tempo aquela bagagem de referências é o que mais contribui para sua formação.

 

Comunicação da UOL, Folha de S.P, IG, G1, VEJA e Portal Terra para cobertura das Eleições 2014:

Clique para abrir a galeria de imagens.

 

Na minha opinião o portal UOL é o que se destaca, tanto pelo design quanto pela usabilidade.

Mobile

Para a versão mobile do portal eles também tiveram iniciativas, mais uma vez o Portal Uol se destacou. Clique para ampliar a imagem.

UOL_eleicoes_design-mobile_weltonmatos_02UOL_eleicoes_design-mobile_weltonmatos_01G1_eleicoes_design-mobile_weltonmatos_02G1_eleicoes_design-mobile_weltonmatos_01 VEJA_eleicoes_design-mobile_weltonmatos_01TERRA_eleicoes_design-mobile_weltonmatos_01

 

Obrigado pela atenção, até o próximo post.

Passos para despertar a Criatividade

Cada um tem a sua forma de despertar a sua criatividade, mas vamos a alguns passos que podem aprimorar nossa criatividade:

 

1 – Valorize suas ideias e pare de se importar com a opinião dos outros

Pablo Picasso já dizia que todas as crianças nascem artistas. “O problema é manter -se artista depois de crescido”, afirmava o pintor. Por quê? “Às vezes as expectativas dos outros minam a nossa criatividade, mas muitas vezes nós fazemos isso com nós mesmos”, afirma Randall. Aquela gozação do coleguinha sobre sua letra ou a professora que lhe disse que desenho não era com você podem ter causado um efeito maior do que você imagina. Por sorte, ninguém pode acabar com sua criatividade sem seu consentimento. A maioria dos grandes artistas não davam a mínima para a opinião dos outros. Valorize seus rabiscos, mesmo que ninguém mais os valorize.

2 – Faça perguntas, muitas perguntas

Certa vez, perguntaram a Albert Einstein como ele resolvia problemas, e ele respondeu que, se tivesse uma hora para resolver um problema e sua vida dependesse disso, ele passaria 55 minutos definindo a pergunta certa a fazer. “Quando eu soubesse a pergunta correta, poderia resolver o problema em menos de cinco minutos”, disse o gênio.

Como Keith Sawyer disse no livro Zig zag: The Surprising Path to Greater Creativity, se você está empacado em algum problema, é porque está respondendo a pergunta errada. “Pensar coisas novas exige fazer novas perguntas, não responder as mesmas perguntas melhor ou de formas diferentes. As melhores respostas surgem depois de redefinir a pergunta”, diz Randall.

3 – Rebele-se

Osho, guru indiano e mestre da meditação, dizia que a criatividade é a maior rebelião da existência. Faz sentido na medida em que, para descobrir um problema e resolvê-lo da melhor forma possível, você precisa enxergá-lo. Se você aceita a realidade como ela é, dificilmente você vai teorizar sobre como ela poderia ser diferente. “Nesse sentido as pessoas precisam discordar mais, dizer ‘eu sei que é assim, mas poderia ser muito melhor’. O termo que eu uso é ser construtivamente insensato”, afirma Randall.

4 – Combine ideias antigas

Segundo Keith Sawyer, os melhores insights vêm da combinação de ideias completamente sem relação. “Desenhe um móvel que lembra uma fruta ou um abajur que também é um livro ou apenas escolha duas palavras aleatoriamente fechando seus olhos e apontando para páginas de um livro e invente uma combinação”, diz ele no seu último livro.

Você também pode gerar novas ideias fazendo uma lista sobre como o mundo poderia ser diferente, por exemplo, se existissem cinco sexos ou se a gravidade cessasse um segundo por dia. Depois, é só cruzar as respostas e tentar extrair algo genuíno.

5 – Abra caminhos

Leonardo da Vinci, um dos maiores gênios da história, não era apenas um artista, mas arquiteto, músico, matemático, engenheiro, especialista em anatomia, geólogo e botânico. Ufa. Lembra aquele sonho infantil de ser cantora-modelo-atriz-e-apresentadora. Pode ser improvável na vida real (ao menos para mim), mas se tem algo que criança entende é de criatividade. Basicamente porque a criatividade está ligada ao apetite voraz por conhecimento. Por isso, pessoas criativas geralmente se dedicam a assuntos sobre os quais elas nada sabem só pelo hobby. O gosto pela variedade também pode ser aplicado a pessoas. Quanto mais diverso é seu grupo de amigos, melhor. Ter a cabeça aberta pode ajudar você a ter ideias inovadoras, de acordo com Sawyer. “Quando você está em um obstáculo criativo, tente imaginá-lo como um problema em um mundo completamente diferente, como no de design de móveis, em uma prisão ou circo. Como seu problema pareceria nesse mundo? Como você o resolveria?”.

6 – Mexa o cérebro

São vários os estudos da neurociência que fazem uma relação entre criatividade e atividade no lobo temporal do cérebro, mais especificamente no giro temporal superior. Pesquisas apontam que acontece uma espécie de tsunami de ondas gama (ou o aumento da energia das ondas cerebrais) durante o momento “eureca”.

Outra pesquisa, da Universidade do Novo México, observou que quando as pessoas estão engajadas no processo criativo, há menos atividade no lobo frontal. Segundo o professor John Kounios, da Unviersidade de Drexel, pouco antes da “eureca”, ondas de relaxamento passam pela parte de trás da cabeça. Essas ondas são ativadas por atividades que relaxam o cérebro, como quando você fecha os olhos, medita ou corre. Charles Darwin, por exemplo, estava lendo uma tese de Thomas Malthus sobre população por pura diversão quando conseguiu cristalizar sua teoria de seleção natural. Se Darwin conseguiu, você também consegue.

Aprenda algo novo todos os dias!

Trabalhe com esforço para desenvolver hábitos de pensamento criativo e a qualidade de suas habilidades irá crescer. Tomo como exemplo o meu amigo Alex Reges, que há menos de 1 ano ele vem se dedicando a uma atividade que antes não tinha conhecimento. Tatuagem. Ele sempre teve um traço bom para o desenho e com o tempo começou a participar de eventos de tatuagem e comprar equipamentos até chegar os primeiros trabalhos e outro e outro. Quando fazemos o que gostamos o trabalho e esforço é prazeroso.

Alex Reges

Alex Reges

Escritores podem aprender sobre fotografia, designers podem aprender sobre desenvolvimento, e desenvolvedores aprendem sobre design. Os clientes ficarão agradecidos pela habilidade que você enxerga acima e além. A conexão entre as ideias não acontecem a menos que você pesquise um pouco.

Fonte: Galileu